Iniciamos um novo ano e o setor hoteleiro está tentando prever as tendências dos próximos meses para os viajantes e os profissionais de hotelaria.

O website Skift fez uma retrospectiva de 2017 para prever como as evoluções no setor no ano passado terão continuidade em 2018. Já o website da tnooz fez uma análise aprofundada de tendências em crescimento que podem se tornar a próxima grande novidade. A Forbes se concentrou nas tendências de transformação digital que estão deixando o setor “de ponta-cabeça”, enquanto o website do Hotel Management se interessou mais pelo que está se tornando a nova regra em design de hotéis.

O que os maiores líderes e especialistas  do setor hoteleiro estão esperando para este ano? Confira algumas das maiores apostas de tendências do setor hoteleiro em 2018.

Distribuição de hotéis em 20018: reservas diretas e aluguéis de temporada simplificados

Reservas diretas com a marca do hotel simplificadas pelo uso de metabuscador

Enquanto em 2017 presenciamos a mutação de websites de metabusca em meta-OTAs híbridas, as reservas simplificadas têm tudo para ser a maior tendência em reservas em 2018. Com as reservas simplificadas, o metabuscador pode ajudar a atrair reservas diretas rentáveis para o anunciante do hotel e um processo de reserva facilitada para o viajante por meio de uma plataforma otimizada para conversão.

No caso do trivago Express Booking, uma imagem forte da marca no funil de reservas deixa claro para o viajante com que estabelecimento ele está fazendo a reserva.

Aluguéis de temporada

Mais viajantes começaram a buscar acomodações alternativas em 2017, enquanto os canais de marketing buscaram fornecer experiências de busca mais personalizadas e mais opções para os usuários. Uma possível evolução dessa tendência em 2018 é uma maior quantidade de aluguéis de temporada disponíveis em mais canais de distribuição de hotéis.

Tecnologia do setor hoteleiro em 2018: blockchain, nuvem e dispositivos móveis

Tecnologia blockchain

A tecnologia blockchain deixou sua marca na economia global em 2017. Será que essa tecnologia vai virar o setor hoteleiro de cabeça para baixo em 2018? Algumas fontes afirmam que isso é bem provável.

Software de gerenciamento de operações baseado na nuvem

Com um foco na qualidade da experiência dos hóspedes jamais visto, hotéis de todos os tamanhos estão buscando alinhar processos operacionais e facilitar a comunicação dentro da equipe tanto quanto possível em 2018 usando sistemas de gerenciamento baseados na nuvem.

Funcionalidades para dispositivos móveis e comandadas por voz

O ano anterior teve como destaque a mudança para um processo de reservas online; agora, esse processo está acontecendo em dispositivos móveis. As empresas do setor hoteleiro estão sentindo a necessidade de oferecer uma jornada do cliente perfeita em dispositivos móveis, seguida de perto por uma experiência de busca comandada por voz.

Marketing de hotel em 2018: automático, atualizado para SEO e baseado em dados

Chatbots e marketing conversacional em websites de hotéis

A velocidade das informações e a experiência do usuário são agora os pilares do funil de conversão. Atualmente, os chatbots auxiliam em ambos os casos. Não seria nenhuma surpresa ver esses bots multifuncionais de alto impacto e baixo custo surgindo em mais websites de hotéis em 2018 com o objetivo de incentivar reservas.

Estratégias de SEO mobile-first

Espera-se que a indexação mobile-first seja implementada por completo em 2018. Com isso, as páginas de reserva e os websites de hotéis otimizados para dispositivos móveis se tornarão uma prioridade para muitas empresas do setor hoteleiro nos próximos meses.

Aproveitamento de dados

As estratégias de marketing online estão se tornando mais estratégicas e direcionadas. Isso significa que os hotéis usarão mais dados em 2018 para atingir o público certo com conteúdo adequado. Com os insights dos dados, os hotéis poderão publicar mais tarifas competitivas em todos os canais de marketing.

Quartos de hotéis em 2018: designs mais simples e naturais com tecnologia mais inteligente

Dispositivo interconectados

Algumas fontes afirmam que os quartos smart serão a próxima tendência, enquanto outras afirmam que eles já são. O certo é que, em 2018, veremos mais hotéis inspirados na Internet das coisas: os hóspedes poderão trancar os quartos, ajustar as luzes e a temperatura, bem como assistir aos seus shows favoritos da Netflix na TV usando smartphones.

Designs simples e inspirados na natureza

Os hotéis que pretendem fazer uma reforma em 2018 podem aproveitar a oportunidade para deixar os quartos de hóspedes o mais simples possível, aumentar as áreas comuns e incorporar mais plantas e luz natural aos designs. Acrescentar mais tomadas em locais discretos também é uma ótima pedida.

Conquistando clientes em 2018: reputação online, ofertas especiais e programas de fidelidade reinventados

Gerenciamento da reputação online

O famoso boca a boca se tornou digital e tem grande influência nas reservas de hotéis feitas pelos viajantes. O gerenciamento da reputação online pode ganhar mais destaque como uma maneira de aumentar o número de reservas e a fidelidade dos clientes online.

Reinvenção da estrutura das recompensas e dos incentivos

A reestruturação de programas de fidelidade de grandes hotéis chamou bastante a atenção em 2017, preparando o terreno para que hotéis independentes e outras redes de hotéis sigam o exemplo em 2018 com programas de fidelidade novos ou atualizados.

Ofertas especiais de hoteleiros

A atualização de um recurso da plataforma de marketing do trivago permite que os anunciantes publiquem ofertas especiais no perfil do hotel para chamar a atenção e incentivar reservas de viajantes no website. Exibindo as informações de contato do hotel ao lado da oferta especial, esse recurso também abre os canais de comunicação entre o hóspede e o hotel desde o início do processo de reserva.

Desenvolvimento sustentável do setor em 2018: objetivos significativos, mensuráveis e acessíveis

Objetivos baseados em dados científicos

No fim do ano passado, o website do grupo International Tourism Partnership publicou um relatório de descarbonização global de hotéis que foi muito útil para abrir os olhos sobre essa questão.

Esse relatório, feito a partir de um estudo realizado para avaliar o impacto do setor hoteleiro nas emissões de carbono e entender quais ações precisam ser tomadas pelo setor para se alinhar com o Acordo de Paris, convoca as empresas de hotelaria a assumirem o papel de líderes e a definirem objetivos de redução de carbono com base em dados científicos para todo o setor.

Esses objetivos, bem como as ações práticas para atingi-los, deverão ser definidos em 2018.

Inscreva-se na nossa newsletter para se informar sobre o setor hoteleiro em 2018 e descobrir se as tendências descritas acima se confirmarão, bem como se tendências inesperadas surgirão.


Fontes: Forbes, Hotel Management, International Tourism Partnership, Koddi, Moz, Net Affinity, Skift, Strategic Cointnooz.

identicon

trivago Business Blog

O blog do trivago para hoteleiros é composto por um grupo dedicado de pesquisadores e jornalistas do setor. Abrangendo tópicos importantes do setor de hotelaria, esse grupo publica artigos sobre marketing e tecnologia, tendências e eventos para hotéis, além de informações de especialistas que ajudam a manter hoteleiros atualizados com as mais recentes novidades e munidos do conhecimento de que precisam para serem competitivos online.

More Posts